Clonagem Cartão | Vendas online | Dicas de segurança de serviços online.

Fazer compras pela internet ou transações bancárias pode deixar os consumidores inseguros, por isso os bancos têm investido bastante em sistemas de segurança.

 

Um dos problemas mais comuns é a clonagem de cartões, e a gente sabe que grande parte das pessoas usa o cartão de crédito ou cartão de débito para pagar as contas, por isso é importante tomar alguns cuidados. 

 

Segundo a FEBRABAN os bancos brasileiros investem uma média de 2 bilhões de reais em sistemas de segurança.

 

O comportamento do cliente na hora de fazer a transação pode diminuir riscos, como por exemplo a clonagem de cartões.

 

Em matéria na TV Diário, passei algumas dicas.

 

A maioria das fraudes é feito online por isso alguns detalhes são importantes:

 

– Sites nunca pedem a senha da conta bancária;

 

– O consumidor também não deve colocar dados do cartão em computadores de uso público para isso;

 

– É preciso ficar de olho nos e-mails e links fantasmas;

 

Geralmente quando vamos fazer compras, sempre usamos um mecanismo de busca, como Google, e acabamos clicando em um link desta página.

 

É interessante quando você clicar neste link, você depois reeditar esse endereço com o endereço correto.

 

A segunda informação é ver se essa página tem um HTTPS (certificado de segurança), um cadeado ao lado do nome do site.

 

Em caso de dúvida é interessante você recorrer a outros mecanismos, por exemplo, se é uma loja que você não conhece, verifica se na loja virtual consta o endereço físico, telefone e CNPJ, que hoje é obrigatório por lei, e qualquer coisa, antes de finalizar a compra liga para a loja.

 

Se mesmo com essas dicas, você tiver algum problema com clonagem do cartão, é importante avisar o banco mais rápido possível para serem tomadas as medidas que forem necessárias.

 

Qualquer dúvida, deixe seu comentários