Arca de Noé – Gestão de Projetos

 

Arca de Noé, uma das mais fascinantes histórias bíblicas devido a forma pela qual recebeu a notícia, o trabalho intenso durante meses e a um crença no impossível, ou seja, FÉ.

 

Ao Analisarmos todo os acontecimentos que envolveram a Arca de Noé, podemos (e devemos) observar muitas lições de vida, as quais podem ser transferidas para a nossa missão dentro de uma empresa.

 

COISAS IMPORTANTES A APRENDER COM A ARCA DE NOÉ:

 

 a)  Não perca o Barco.  Esteja preparado para assumir a responsabilidade, afinal o sucesso só acontece quando a sorte encontra pessoas preparadas.

 

b)  Estamos todos no mesmo Barco.  Vamos nos unir, estamos todos juntos, portanto, se o barco afundar, vai afundar com todos.

 

c)  Mantenha-se em forma.  Acredita-se que Noé tinha sessenta anos quando iniciou a construção da arca.

 

Portanto, estude, procure melhorar profissionalmente, esteja preparado, pois pode acontecer algo muito importante na sua vida , ou você parou por achar que estava muito velho?

 

d) Planeje para o futuro.  Há anos que nem chovia quando a arca começou a ser construída.

 

e)  Não dê Ouvidos aos críticos.

 

Muitos achavam que Noé era um louco na época. Construir uma arca, no meio da floresta, soava como loucura, portanto, quando você acredita no que esta fazendo, apenas continue e continue a fazer o trabalho que precisa ser feito.

 

f)  A velocidade nem sempre é uma vantagem, mas sim, a persistência.  Não corra, não atropele as etapas, lembre-se, os Caramujos estavam a bordo com os Leopardos.

 

g) Construa seu futuro em terreno alto.

 

h) Por segurança, nunca “viaje” sozinho.  Seja humilde, escute o que os outros têm a dizer, desta forma, organize as atividades levando em consideração a habilidade de cada um.

 

i) Quando estiver estressado, … flutue por um tempo!

 

j) Lembre-se (… e pense muito nisso), a Arca foi construída por amadores… o Titanic por profissionais…

 

É importante que o projeto navegue em águas seguras, desta forma, o comandante deve ficar  atento aos sinais de perigo.

 

É importante entender, acima de tudo, que todos estejam remando para a mesma direção, e não devemos desafiar aquilo que não temos conhecimento.

 

E cuidado com a arrogância, pois o comandante do Titanic disse que nem Deus afundaria aquele navio.

 

Fonte: Oswaldo Lirolla